Churrasco, um ritual!

Churrasco, um ritual!

Quem não aprecia um saboroso churrasco?

Aqui no Sul, churrasco não é apenas refeição, é um evento!!

Vai desde a confraternização, a escolha da carne, reunião com os amigos… tudo para ser um bom anfitrião!

Mas não é só os gaúchos que investem numa boa carne e querem um bom resultado saindo quentinho da churrasqueira…
E quem não sabe preparar, por onde começar?

#Fica a dica!

O Ritual

Entrada: Sabemos que às vezes o churrasco demora um pouquinho até ser servido, por isso é importante se preparar e planejar alguns petiscos para oferecer aos convidados!

Bebida: Item de grande importância para o sucesso do churrasqueiro! Como todo brasileiro sabe, aquela que combina com o churrasco é a cerveja – extra gelada.  Mas, como gosto não se discute, outras opções são também bem vindas, como a boa e velha caipirinha!

Quantidade de carne

Puxa, essa é uma questão que sempre vai depender do seu público. Sempre terá aqueles que comem pouco (algo como 200 gramas) e aqueles que devoram 1 kg de carne! Deve-se chegar em um meio termo. Diz a regra para se calcular em média 500 gramas por pessoa se for carne sem osso. Já se for carne com osso, como costela, pode-se calcular em torno de 700 gramas por pessoa.

Resumindo, caso você for fazer um churrasco para dez pessoas, com carnes sem osso, sugere-se em torno de 5 kg  (algo como 5 peças de picanha, por exemplo).

Como acender o fogo

Tenha sua churrasqueira limpinha, sem cinzas, e então coloque o carvão em um canto dela. Para começar,  não coloque mais do que 2 kg (se o churras for para até 10 pessoas). Olhe bem a foto:

FOGO-NO-CARVÃO

Faça assim com os pedaços maiores do carvão: rasgue o saco de carvão e faça uma bolinha com o papel e coloque no meio, para então equilibrar o restante do carvão em volta. Usa-se cerca de 100 ml de álcool (precisa ser o de 90° GL, pois o de 46° GL não tem a combustão necessária) na bola de papel. Risque um fósforo e está ok.

Lembre-se:  só coloque a carne quando o carvão estiver em brasa (sem labaredas). Quando a brasa estiver bem vermelha e intensa, espalhe na metade da churrasqueira.

#Fica a Dica: nunca use toda a extensão da churrasqueira com brasa, pois você vai precisar de espaços com diferentes temperaturas para assar diferentes tipos de carnes…

Tempero do churrasco

Para carne de boi, vai sal grosso . Caso for fazer carne de frango, suíno ou outra carne branca, recomenda-se o uso de outros temperos (limão, pimenta do reino, alecrim, etc).

Sal grosso: A quantidade de sal grosso que se aplica à carne é proporcional ao tamanho (espessura) da carne. Se for assar uma capa de filé, que é uma carne longa mas bem fina, a quantidade de sal precisará ser menor do que se a carne escolhida fosse uma picanha, em peça inteira.

#Fica a Dica 1: Não use sal grosso úmido, pois ele fará com que a carne absorva muito sal, perdendo o seu sabor.

#Fica a Dica 2: Salgue a carne momentos antes de colocá-la no fogo.

#Fica a Dica 3: É bem importante bater a carne ao tirá-la do fogo, para retirar o excesso de sal.

Utensílios úteis e importantes

A preparação do churrasco é relativamente simples. Precisa-se de uma tábua grande de madeira, uma faca bem afiada e um pegador para a carne (não utilize garfo para pegar/virar a carne, pois isso faz com que ela perca os líquidos ao ser furada!).

Qual carne escolher?

Escolha a carne com atenção, pois ela é o elemento principal! Veja todas as opções disponíveis no balcão do açougue.

Lembre que carnes com gordura vão sempre ser melhores do que carnes magras. Outro fator muito importante é analisar a cor e cheiro da carne. Carnes com um vermelho mais vivo são ideais.

Olhe estes cortes de carne:

As melhores carnes pra churrasco

 

Diferença entre assar e grelhar

Nas diversas formas de preparar carne, cada uma tem sua peculiaridade. No churrasco, existem duas técnicas: grelhar e assar.

Diferença entre elas: o grelhado é feito em uma grelha, próxima à brasa (cerca de 15 cm) e com pedaços mais finos. Os cortes de grelhados devem variar entre 3 e 4 cm. Cortes mais finos do que isso poderão ficar secos e mais grossos, crus no meio da carne. Já o assado, é feito em espeto, com cortes inteiros. Dois bons exemplos são as picanhas e as costelas assadas. Ficam a cerca de 40 cm da brasa e levam mais tempo no fogo, uma vez que são cortes grandes.

Era isso! Faça sua escolha e bom apetite!

Caso precise de utensílios, acesse nossa Loja Virtual:

logo
conjunto churrasco

Conjunto para Churrasco Polywood 16 Peças Aço Inox Tramontina

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on VKEmail this to someone